Deus seja Louvado.
Portuguese Chinese (Simplified) Dutch English French German Hungarian Russian Spanish

O que faz um coordenador pedagógico

Antes de falar sobre o Coordenador pedagógico é preciso entender um pouco sobre a pedagogia.

O profissional formado em pedagogia pode atuar em diversas dimensões da Educação, como: ensino infantil, fundamental e médio, gestão de escolas e coordenação de treinamentos em empresa, e estas são apenas alguns exemplos de áreas onde o profissional dessa área pode atuar. O mercado de trabalho para a Pedagogia é amplo e vai muito além das escolas de ensino fundamental e médio. Quem se forma em Pedagogia pode trabalhar em segmentos como:

- Consultorias e assessorias

- Editoras de livros didáticos

- Empresas produtoras de cursos a distância

- Escolas de idiomas

- Espaços como hospitais, bibliotecas, museus e brinquedotecas

- ONGs

- Órgãos públicos ligados à educação

- Treinamento e coordenação em empresas privadas

O curso de Pedagogia tem sido um dos mais procurados na graduação nos últimos 15 anos. Segundo o Censo da Educação Superior, mais de 860 mil pessoas se formaram em pedagogia no Brasil em 2016. Parte desses profissionais irão trabalhar como Coordenador Pedagógico.

Assim como professores, diretores e todos os colabores da escola, o Coordenador Pedagógico tem um papel importante no dia-a-dia escolar. Mas qual o perfil e o que é necessário saber para ser coordenador pedagógico?

Fundamental para o ambiente escolar, o coordenador pedagógico promove a integração de todos na escola no que diz respeito ao processo de ensino-aprendizagem. O seu papel é fundamental para a valorização da formação do professor uma vez que desenvolve habilidades capazes de lidar com as diferenças tendo como foco ajudar na construção de uma educação que qualidade.

Quanto ao perfil, este profissional deve ter a capacidade de perceber os pontos fortes da equipe que coordena. Enfim, coordenar é dispor das variadas potencialidades dos integrantes de uma equipe em torno de um projeto comum.

Mas coordenar também é perceber as vulnerabilidades de uma equipe e traçar um plano de superação deles ao longo do tempo.

O coordenador tem que ser capaz de agregar. É comum que este profissional receba uma equipe já configurada, em vez de constituí-la. Considerando que sua função pressupõe uma série de interações humanas, ser capaz de criar condições de diálogo é fundamental. Portanto, um atributo imprescindível ao coordenador pedagógico é a capacidade de promover o projeto da escola, motivando as pessoas a aderir à proposta e empenhar seus esforços e potencialidades no sucesso dela.

E claro é preciso dar destaque que para ser um ótimo coordenador pedagógico é preciso ser um profissional pesquisador. E é preciso ter conhecimento em algumas áreas como: o conhecimento da principal legislação da área de educação e da legislação específica da rede em que atua (municipal, estadual). Por exemplo, a LDB e o Estatuto da Criança e do Adolescente, mas também as normas próprias de cada rede; o conhecimento das publicações institucionais de caráter pedagógico da rede em que atua: os princípios de uma determinada rede, a metodologia a ser privilegiada, os documentos referentes aos processos de planejamento, acompanhamento e avaliação das aprendizagens.

A coordenação pedagógica torna-se então essencial à gestão pedagógica da escola, uma vez que o coordenador assume a função de articulador da Proposta Pedagógica da escola e do currículo da rede na qual está inserido, assim como a responsabilidade pela formação continuada dos professores, sem perder de vista que a sala de aula e, portanto, a aprendizagem dos alunos deve se constituir como o referencial para as ações que irá desenvolver no seu exercício profissional.

Copyright © 2015 - Faculdade de Pindamonhangaba